O que é Risco?

2018-07-02T11:23:28+00:00 15/06/2018|Educacional|

O Risco do investimento em ativos pode ser caracterizado pela probabilidade de perda de parte ou de todo o investimento investido. Os eventos que podem influenciar no desempenho dos ativos são:

Risco de Mercado:

É o risco representado pela possibilidade de perda advinda de oscilações de preços e taxas de Mercado, além de ausência de liquidez de instrumentos financeiros, que impactam no valor da carteira de uma instituição.

Um dos riscos de mercado com grau de relevância alto para o investidor é o Risco de Derivativos, que se origina das variações no valor de posições em operações não convencionais, tais como Mercado a termo, Mercado de futuros e opções, geralmente negociadas em Bolsas de Mercadorias & Futuros.

Risco de Crédito:

É o risco de inadimplemento ou atraso no pagamento de principal ou juros dos títulos que compõem a carteira do investidor. O Risco de Crédito está associado à capacidade de solvência do Tesouro Nacional, nos casos de títulos públicos federais e ao da empresa emissora dos títulos privados. O Risco de Crédito é dividido em três grupos: risco país; risco político; e risco da falta de pagamento.

Risco de Liquidez:

É o risco associado á ausência de demanda pelos ativos que compõem a carteira do cliente. Neste caso, o efeito é proporcional á participação na carteira do título afetado. Em termos operacionais, o cliente poderá encontrar dificuldades para converter seus ativos em caixa, bem como para liquidar posições, ou seja, terá que oferecer descontos nos preços dos ativos, e por conseqüência estará incorrendo em perdas.